Home / Physicool Blog / Síndrome de Fricção da Banda Iliotibial
Síndrome de Fricção da Banda Iliotibial

Síndrome de Fricção da Banda Iliotibial

Síndrome de Fricção da Banda Iliotibial

A banda iliotibial (IT) é um tendão que conecta o joelho ao quadril. A síndrome da banda iliotibial acontece quando este tendão inflama. Essa síndrome já foi comparada à sensação de ser “esfaqueado” na lateral do joelho durante a corrida, especialmente quando se está numa descida. Essa lesão dolorosa pode rapidamente se transformar em algo incapacitante se não solucionada. Leia aqui como prevenir esta lesão.

Sintomas

  • Dores na parte superior da perna/coxa.
  • Dores que se tornam piores durante exercícios, tais como corrida.
  • Dores agudas na lateral da articulação do joelho ou na cabeça do fêmur.
  • Distensões e perda de flexibilidade no joelho e quadril.

Causas

Assim como a maioria das lesões que acometem os corredores, as causas são muitas. Correr em declives e correr sempre do mesmo lado da rua são as principais causas. Ambos colocam grande peso nas laterais do joelho e causam atrito entre a banda IT e o fêmur. Com o passar do tempo, a banda iliotibial enrijece e pode inchar, trazendo as dores, que vão se intensificar ao ponto em que se torna impossível correr.

A origem do problema está em como a banda IT funciona quando corremos. A banda iliotibial é uma larga faixa que se estende do músculo tensor da fáscia lata e da lateral dos músculos do glúteo, percorre a parte externa da perna e joelho e se conecta ao osso da canela. O movimento repetitivo desse tendão provoca irritação.

Tratamento

Primeiramente, trate com crioterapia para reduzir a inflamação e a dor. Aplique a bandagem B da Physicool por um período de trinta minutos a uma hora, 2 a 4 vezes por dia, para reduzir o inchaço e dor. A compressão irá ajudar a limitar a inflamação. A bandagem pode ser recarregada e reutilizada muitas vezes durante o processo de recuperação. Em pouco tempo você estará em condições de voltar a fazer o que mais gosta. Os períodos após o treino e à noite são os melhores para o tratamento com Physicool, devido ao peso que as suas pernas tiveram que suportar no decorrer do dia. Uma aplicação no horário do almoço também traz grandes benefícios.

Assim que a dor diminui, está na hora de pensar no trabalho para o tecido mole. Iniciativas como massagens profundas no quadríceps a posterior da coxa, alongamento, e o uso de rolos de massagem ajudam no relaxamento. Evite fazer corridas pesadas em descidas. Se você sempre corre no mesmo lado da estrada, mude de lado de vez em quando.